1º Encontro de Orações: Movimento continua pedindo esclarecimento do duplo homicídio de mãe e filha ocorrido há um mês em Guanambi

Foto: Divulgação

Familiares de Alcione Malheiros e Ana Julia junto à Procuradoria da Mulher da Câmara de Vereadores, Comissão de Defesa dos Direitos da Mulher – OAB Guanambi, Conselho Municipal de Defesa dos Direitos da Mulher e a Ronda Maria da Penha de Guanambi realizaram na noite desta quarta-feira, 12, na praça da Bíblia, no bairro Santa Catarina, em Guanambi, o 1º Encontro de Orações pelas vítimas do duplo homicídio ocorrido há um mês em Guanambi. É o segundo movimento realizado na cidade para sensibilizar autoridades judiciais, políticas, religiosas e à população para melhorar a rede de proteção às mulheres.

O primeiro movimento foi a Passeata do Luto à Luta, no dia 18 de dezembro de 2021, que encabeçou os pedidos para instalação do CRAM (Centro de Referência de Atendimento à Mulher) – que já foi autorizado – a Deam (Delegacia Especializada da Mulher), fortalecer e ativar a rede educacional de Guanambi, pública e privada do ensino básico, universidades, para juntas inserir a desconstrução do machismo estrutural, instalar um serviço de apoio às mulheres e famílias vítimas de violência, acompanhar a real situação sobre à violência provocada pelo machismo, melhorar a rede de proteção à mulher para cuidar das vítimas de violência e seus familiares.

O 1º Encontro de Orações comungou com todos os credos religiosos (culto ecumênico), com mensagem de abertura do vereador evangélico Natanael Pretinho, a pregação do Pastor Augusto Silva da Igreja Betel de Guanambi e louvores com os cantores Linda e Rafael. O professor de História de Ana Júlia, Ronaldo Soares, fez uma homenagem através da declamação de uma poesia inspirado na aluna, citando Santo Agostinho.

Também houve recolhimento de assinaturas para petição pública pedindo ao governador do estado da Bahia a implantação da Deam e distribuição de material gráfico com contatos de órgãos para denúncias de casos de violência contra à mulher.

Presentes no encontro: a vereadora Maria Silvia Lilia, vice-presidente da Câmara de Guanambi, vereadora Míria Paes, presidente da Procuradoria da Mulher, Aline Ladeia, presidente da Comissão de Defesa dos Direitos da Mulher – OAB Guanambi, Edésia Lisboa, Presidente do Conselho Municipal de Defesa dos Direitos da Mulher, Ten. PM Jacimara Ornelas, coordenadora da Ronda Maria da Penha, o vereador Natanael Pretinho, Tatyane Azevedo, vice-primeira Dama de Guaanambi, Sizaltina Donato, ex-prefeita de Guanambi e a Secretária de Educação, Lajucy Donato.

Fonte: Neide Lu (MTBE 6466) / Portal Fala Você Notícias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.