Prefeitura de Malhada divulga novas medidas de enfrentamento ao Coronavírus (Covid-19)

A Prefeitura Municipal de Malhada, por meio do prefeito Valdemar Lacerda da Silva Filho (Dezin), publicou nesta segunda-feira (26), o Decreto 072/2020, para dispor de novas medidas de prevenção e controle no enfrentamento da Covid-19.

As novas medidas têm por objetivo diminuir o impacto causado pelo novo Coronavirus, com a aplicação, em caráter de urgência de medidas de prevenção, controle e contenção de riscos. Tais medidas são indicadas pelos órgãos mundiais de saúde, com o intuito de reduzir agravos e danos à saúde pública.

Confira:

Até o dia 15 de novembro, enquanto o cenário epidemiológico não sofrer alterações, ficam autorizados o funcionamento dos estabelecimentos comerciais e de serviços localizados no município, sendo eles: supermercados, feira livres, bancos, corresponde de unidade lotérica e serviços no âmbito da administração publica municipal.

Já as atividades de manifestação religiosa ficam autorizados, mas tomando as seguintes medidas: capacidade reduzida de pessoas nos locais e templos religiosos, distanciamento social de dois metros, controle rígido de entrada dos fiéis, se possível com horário agendado anteriormente. A retomada dos serviços de transporte de passageiros e da realização de cerimonias fúnebres e execução de funerais, desde que adotem medidas de segurança mais enérgicas.

As casas de shows, espetáculos, unidades escolares, estabelecimentos de eventos com potencial de aglomeração continuam suspensos até o dia 15 de novembro.

Para todas as atividades retomadas nesta fase deverão possuir controle rigoroso da entrada de clientes no estabelecimento, com sua capacidade reduzida e cartaz impresso fixado na entrada principal da unidade comercial com o número máximo de clientes. Determinar o uso obrigatório de mascara de proteção para clientes e funcionários, bem como informar sobre o distanciamento seguro.

Todas as medidas entram em vigor na data de publicação do Decreto, sendo assim, nesta segunda-feira (26) e deverão ser mantidas até o dia 15 de novembro, ou até a nova recomendação dos órgãos de saúde.

Para mais informações, leia o Decreto (link decreto) em sua íntegra.

Assessoria de Comunicação – Prefeitura de Malhada

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.