Prefeitura de Caetité anuncia medidas emergenciais para evitar a disseminação da Covid-19

Foto: Divulgação

Em decreto publicado nesta segunda-feira (10), no Diário Oficial, a prefeitura de Caetité, prorrogou medidas temporárias e emergenciais relativas ao plano municipal de contingência para enfrentamento do coronavírus.

Considerando a grande velocidade de disseminação do vírus, com novas variantes e risco de colapso do sistema de saúde municipal, o prefeito Valtécio Neves Aguiar (PDT) suspendeu, temporariamente, todas as atividades propensas a gerar aglomerações de pessoas, como eventos e/ou atividades em áreas fechadas com presença de público superior a 200 pessoas, ainda que previamente autorizado, e shows e festas de todos os gêneros, públicas ou privadas, na zona urbana ou rural, independente do número de participantes.

Fica autorizado o funcionamento de academias e estabelecimentos para a realização de atividades físicas, desde que limitada a ocupação ao máximo de 75% da capacidade do local, observados os protocolos sanitários estabelecidos e a exigência do comprovante de vacinação. O funcionamento dos restaurantes, lanchonetes, pastelarias, sorveterias, quiosques de vendas de lanches, espetinhos, acarajés, bares, distribuidoras de bebidas, e similares, fica condicionamento ao cumprimento dos protocolos sanitários.

A feira livre da sede do município poderá funcionar todos os dias da semana, com exceção apenas dos domingos, desde que adotadas medidas especiais estabelecidas no decreto. O comprovante de vacina também passará a ser exigidos em todas as repartições públicas. Ademais, o uso da máscara continua obrigatório.

BOLETIM EPIDEMIOLÓGICO

Nas últimas 24 horas, o número de casos ativos subiu (24 a mais), sendo que foram registrados 24 novos casos confirmados e nenhum novo caso curado.

Fonte: Ascom

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.