PM faz condução por agressões e lesões corporais e apreende simulacro de arma de fogo, em Guanambi

Viatura da PM de Guanambi (Foto: Portal Vilson Nunes)

Policiais militares do 17ºBPM, da 2° Companhia Rural, foram acionados pelo CICOM por volta das 11h desta terça-feira (5), a partir de uma denúncia da ocorrência de uma confusão numa escola no distrito de Morrinhos, em Guanambi. O fato se deu no interior da escola Anísio Cotrim, onde, de acordo com as primeiras informações, dois adolescentes, um de 13 e outro de 15 anos, estudantes do estabelecimento, entraram em vias de fato. No local, a equipe de policiais militares tomou conhecimento de que um dos menores teria comunicado o fato ao seu cunhado, e este, tomando parte, teria aproveitado para espancá-lo e também extorqui-lo, exigindo a quantia de 500 reais para deixá-lo em paz.

Enquanto a equipe de policias buscava maiores detalhes dentro do colégio, chegou a informação de elementos que estavam na parte externa e que tentavam invadir a escola.

Os policiais agiram, surpreenderam e abordaram 04 indivíduos apontados por testemunhas como sendo os que tentavam realizar a invasão. Eles estavam à bordo de um veículo de marca Toyota, Corolla, de cor branca, e portavam um simulacro de arma de fogo, marca Taurus Millennium, modelo pistola, além de vários smartphones e outros objetos.

Os suspeitos, dois homens de 28 anos, um de 40 e um terceiro de 20, foram detidos e encaminhados, juntamente com os menores, acompanhados dos seus responsáveis, até a Delegacia Territorial de Guanambi para as medidas legais cabíveis. O simulacro, o veículo usado na ação, e todos os demais objetos encontrados com os acusados também foram apresentados à autoridade policial.

Fonte: 17ºBPM/Ascom

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.