Natural de Palmas de Monte Alto, Juiz Dr. Almir morre vítima de câncer no Hospital Aliança em Guanambi

Juiz Dr. Almir (Foto: Reprodução)

O juiz de direito, Almir Edson Lelis Lima, de 66 anos, faleceu na noite desta segunda-feira (16), na cidade de Guanambi. Natural do município de Palmas de Monte Alto, o magistrado morreu em decorrência de um câncer, doença na qual batalhava há mais de 5 anos. Ele estava internado no Hospital Aliança.

De acordo com informações obtidas pelo PORTAL VILSON NUNES, o corpo de Dr. Almir, será velado no Salão do Júri do Fórum de Guanambi até às 13h desta terça-feira (17). Em seguida, o velório ocorrerá no Salão do Júri do Fórum Dr. Alcebíades Dias Laranjeira, em Palmas de Monte Alto. De onde sairá às 17h, para o Cemitério daquele município.

Dr. Almir deixa esposa e três filhos: Dr. Lucas e Dr. Marcel, que são advogados e a psicóloga Juliana.

Ele formou-se em direito em 1977. Advogou por 15 anos e, no final de 92, entrou para a magistratura. A primeira comarca dele foi em Igaporã. O juiz também atuou em Riacho de Santana, Carinhanha, Candeias e há mais de 10 anos no município de Guanambi. Atualmente, ele era juiz da 2ª Vara Cível de Guanambi.

DESTAQUE E PRÊMIOS

Engajado em causas sociais, Dr. Almir era membro do Rotary Clube de Guanambi, onde sempre procurou ajudar nos projetos que beneficiam à sociedade mais necessitada de Guanambi e região.

Há vários anos à frente da 2ª Vara dos Feitos Cíveis da Comarca de Guanambi, o Juiz Almir Edson Lélis Lima vinha anualmente se destacando pelo bom andamento das atividades no referido órgão, inclusive recebendo selo de qualidade por dar atenção especial às Metas do Conselho Nacional de Justiça (CNJ).

Feito por Portal Vilson Nunes

2 thoughts on “Natural de Palmas de Monte Alto, Juiz Dr. Almir morre vítima de câncer no Hospital Aliança em Guanambi

  1. Dr Almir foi um juiz correto nas suas decizoēs ,pena q o modelo da ( justíca ) do brasil ,e muito bom e favoravel muitas vezes aõs bandidos ,q até da vergonha de ser Honesto.ele deu favoravel a um parente meu ,em uma açaõ de despejo no Santa Catarina ,isso em 2013 ,isso mesmo a 7 anos ,mas a ( Justica) da Bahia ,deu direito ao bandido a esperar um novo julgamento ,isso a 7 anosssss.acorda justica p.trabalhar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.