Mais de 85 mil baianos podem perder benefício de Tarifa Social de Energia, aponta Coelba; saiba como regularizar situação

Conta de energia (Foto: Reprodução)

Os baianos inscritos no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico), que possuem o Número de Identificação Social (NIS), têm direito à Tarifa Social de Energia Elétrica (TSEE), que concede descontos de até 65% no valor da fatura de energia. No primeiro trimestre de 2022, mais de 145 mil famílias foram cadastradas proativamente pela Neoenergia Coelba no programa.

Os inscritos, porém, precisam manter os dados atualizados para não perderem o benefício. De acordo com o Ministério da Cidadania e a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), mais de 85 mil baianos podem deixar de receber o benefício em maio devido à desatualização cadastral.

Além disso, a Neoenergia Coelba estima que mais de um milhão de famílias têm direito à TSEE, porém muitos que possuem o NIS não são titulares da conta de energia elétrica, o que impede o cadastramento de forma automática pela empresa ao cruzar informações com os dados do CadÚnico.

Para realizar a atualização do cadastro, os consumidores devem se dirigir ao Centro de Referência de Assistência Social (Cras) do seu município. Para verificar a documentação necessária e como proceder, basta acessar o site (veja aqui).

Para ter acesso ao desconto da Tarifa Social na conta de energia, que pode chegar a até 65%, e não pagar eventuais cobranças extras da bandeira tarifária, o cliente deve estar inscrito no CadÚnico. As famílias de baixa renda devem obter o NIS diretamente em um Cras do município onde reside. Os usuários cadastrados também podem fazer a inscrição da Tarifa Social no site da concessionária.

Fonte: Ascom

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.