Lavrador tem gado furtado na zona rural de Palmas de Monte Alto; prejuízo foi estimado em mais de R$ 140 mil

Gado (Foto: Reprodução)

Um lavrador, identificado como Hélio de Almeida Assunção, residente no distrito de Mutans, na zona rural de Guanambi (BA), compareceu à Delegacia de Polícia de Palmas de Monte Alto, na manhã desta segunda-feira (4), para denunciar que, nesta madrugada, indivíduos ainda não identificados invadiram a sua propriedade, situada na fazenda Pau de Espinho, e furtaram diversos animais.

Conforme consta no Boletim de Ocorrência (BO), que o PORTAL VILSON NUNES teve acesso, por volta das 07h, o denunciante recebeu uma ligação do vaqueiro, de nome KINKA, informando que tinha uma cerca quebrada na sua propriedade. Diante da informação, a vítima dirigiu-se ao local, tendo constatado que os criminosos quebraram a cerca do curral que ali possui, e furtaram cerca de 32 (trinta e duas) vacas, e 03 (três) touros reprodutores registrados, todos da raça NELORE, de cor BRANCA, com a marca do noticiante “HA”. Segundo Hélio, cada vaca estava avaliada em torno de R$ 3.000,00 (três mil reais), e os reprodutores adquiriu cada um pelo valor de R$ 15.000,00 (quinze mil reais), totalizando um prejuízo de aproximadamente R$ 141.000,00 (cento e quarenta e um mil reais).

Ainda segundo relatou o denunciante, os bandidos utilizaram um ou dois caminhões boiadeiros, que encostou o fundo no embarcador do curral, para colocar os animais dentro do veículo. Salienta o queixoso que havia vários rastros de veículos no local, tendo seguido até a BR-030, depois não sabe qual foi o destino.

O caso será investigado pela Polícia Civil. A principal suspeita é que tenha uma quadrilha especializada em furto de gado agindo na região.

Em contato com a nossa reportagem, Hélio de Almeida Assunção, anunciou uma gratificação de R$ 10.000,00 (dez mil reais) para quem dar informações verdadeiras sobre o paradeiro dos animais. O telefone para contato é (77) 9-9822-3798. O sigilo é garantido.

Fonte: Portal Vilson Nunes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.