Homem é preso após matar o próprio pai idoso na zona rural de Guanambi

Foto: Reprodução

Na tarde deste sábado (8), um homem de 49 anos, identificado como Dorivaldo de Oliveira Martins, foi preso, acusado do crime de parricídio, na Fazenda Tábua, no distrito de Mutans, em Guanambi.

Segundo informações repassadas pelo 17º Batalhão de Polícia Militar (BPM) ao PORTAL VILSON NUNES, o crime aconteceu por volta das 17h30. De acordo com a unidade, o detido é o suspeito da morte do próprio pai,  identificado como José Izídio Maritins, um idoso de 76 anos. Ele se entregou, quando a Polícia Militar chegou na localidade.

O Centro Integrado de Comunicação (Cicom) acionou a guarnição da Companhia de Emprego Tático Operacional (Ceto) informando que a vítima estaria caído ao chão embaixo de uma árvore, morta, com sinais aparentes de pancadas na cabeça. Os policiais encontraram o corpo da vítima, o qual, de acordo com informações, da Polícia Civil, teria sido agredido com golpes de machadão.

De acordo com a 22ª Coordenadoria de Polícia do Interior (Coorpin), a família informou que o acusado possui deficiência mental, mas nenhum documento foi apresentado para comprovar tal condição. O Departamento de Polícia Técnica (DPT) realizou o levantamento cadavérico. O corpo o idoso foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML) em Guanambi para ser necropsiado. O suspeito foi apresentado em flagrante na Delegacia Territorial. Em seu poder, a PM ainda encontrou uma espingarda. Um inquérito já foi instaurado e a Polícia Civil apura a motivação do crime.

Feito por Portal Vilson Nunes

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.