“Bahia se prepara para a revolução do 5G”, afirma Ivana Bastos após aprovação do PL 24.559/22 na CCJ

Ivana Bastos (Foto: Divulgação)

Nesta terça-feira, a Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Assembleia Legislativa do Estado da Bahia aprovou, por unanimidade, o Projeto de Lei nº 24.559/2022, de autoria da deputada Ivana Bastos, que “Institui o Programa de Estímulo à Implantação das Tecnologias de Conectividade Móvel no Estado da Bahia para viabilizar a chegada da tecnologia de quinta geração (5G)”. O projeto representa um marco significativo para o desenvolvimento econômico e digital do estado.

A deputada Ivana Bastos enfatizou a importância da iniciativa ao destacar que: “estamos preparando a Bahia para a revolução do 5G, que não apenas transformará a maneira como nos conectamos, mas também impulsionará nossa economia digital”.

O projeto busca estimular a implementação das tecnologias de conectividade móvel de quarta e quinta geração (4G e 5G) em todo o estado, criando um ambiente propício para o florescimento da economia digital. Segundo o texto, a economia digital é caracterizada pelo uso intensivo de tecnologias de computação digital, incorporando a internet, dispositivos digitais e mídias digitais nos processos de produção, comercialização e prestação de serviços.

As principais finalidades do projeto incluem estimular a implantação dessas tecnologias para promover a economia digital e o desenvolvimento econômico, modernizar legislações municipais relacionadas à infraestrutura de telecomunicações, colaborar com os municípios para adequar suas normas locais às regulamentações estaduais e nacionais, simplificar e agilizar o processo de licenciamento de infraestruturas de telecomunicações, expandir a conectividade em áreas periféricas e no interior do estado, e promover parcerias com startups e empreendimentos digitais de comunidades periféricas.

A implantação do programa envolverá diversas medidas práticas, como a orientação aos municípios sobre a ocupação e uso do solo para infraestrutura de telecomunicações, a realização de eventos de divulgação dos benefícios da tecnologia 5G, debates envolvendo esferas federais, estaduais e municipais, fornecimento de suporte técnico, capacitação de gestores municipais, e a disponibilização de linhas de crédito e fomento às pesquisas relacionadas à tecnologia 5G.

Além disso, o programa sugere um texto-base para projeto de lei a ser apreciado pelos municípios, com o objetivo de modernizar as legislações locais relacionadas à implantação de infraestrutura de suporte para telecomunicações. O PL segue para aprovação no plenário da Assembleia Legislativa.

Fonte: Ascom

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.