Adolescentes e jovens se arriscam pulando de paredão às margens do rio São Francisco em Carinhanha

Foto: Agência Sertão

As tardes em Carinhanha têm sido de emoção e diversão para alguns jovens que se arriscam pulando do paredão do cais do rio São Francisco. Desde que o rio começou a encher e as águas avançaram sobre as margens, tem sido comum as cenas de saltos na água.

Apesar do risco de ferimentos e afogamento, é comum em todos os anos de cheia, que pessoas de várias idades, inclusive crianças, se arrisquem na imensidão do rio que registra um dos maiores níveis dos últimos anos.

No momento do salto, existe o risco do banhista acabar caindo sobre um tronco ou galhos de árvores trazidos pela cheia e se ferir com gravidade. Também pode acontecer de alguém ser levado pela correnteza a não conseguiu chegar à margem do rio.

Na tarde deste sábado (22), alguns dos banhistas se exibiram para a câmera do drone da Agência Sertão que fazia imagens do rio na cidade. Em tempos normais, sem cheia, do rio ao paredão são cerca de oito metros, com o rio bem acima do normal, a altura é pouco maior do que dois metros, mas a profundidade fica a cada dia maior.

Fonte: Agência Sertão

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.