Vítimas de acidente na BR-122 são identificadas; ocupantes de veículo carbonizado eram de São Paulo

Foto: Reprodução

A Polícia Civil conseguiu identificar as vítimas do acidente registrado na noite desta quarta-feira (15), na BR-122, entre o município de Pindaí e o Distrito de Pilões (Candiba). Trata-se de três pessoas residentes em São Paulo que viajam com destino à cidade de Barra, na Bahia.

A identificação ocorreu por conta de documentos encontrados em uma bolsa em nome de Solange Aparecida de Arruda, de 45 anos. Ela era uma das ocupantes do Fiat Palio Weeekend destruído pelas chamas. O motorista seria Marcio Rogério de Anacleto de 56 anos, que estava acompanhado da esposa, Lauriléia Lopes dos Santos Anacleto, de 43 anos.

Em contato com familiares, eles confirmaram aos investigadores que os três estavam em viajem para a Bahia. De acordo com o delegado Clécio Magalhães, titular da 22ª Coordenadoria de Polícia do Interior (22ª Coorpin), somente exames de DNA poderão confirmar a identificação de cada um dos três corpos.

Os danos causados no acidente foram tão violentos que até a identificação do carro ficou prejudicada, o que acabou também atrasando a investigação sobre a identidade das vítimas.

O motorista do caminhão, identificado como Paulo Sérgio da Silva, morador da zona rural de Mato Verde (MG), que não teve ferimentos, informou que o acidente aconteceu após o motorista do carro tentar fazer uma ultrapassagem proibida em um local de faixa contínua. Uma perícia foi realizada no local do acidente e a Polícia Civil deverá seguir com as investigações.

Fonte: Agência Sertão

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.