STF nega Habeas Corpus a homem que furtou R$ 81 reais e devolveu

ministro Dias Toffoli, do Supremo Tribunal Federal (STF), (Foto: Divulgação)

O ministro do Supremo Tribunal Federal, Dias Toffoli, negou pedido para que fosse julgado presencialmente o caso de um homem acusado de furtar sacas de café no valor de R$ 81 e que depois foram devolvidas. O rapaz foi condenado a três anos, um mês e dez dias de reclusão, informou Mariana Muniz, do portal Jota.

Depois que o HC foi negado monocraticamente em março, a defesa pedia para que o caso fosse levado para julgamento presencial na 2ª Turma do STF. No recurso, a defensoria pedia a aplicação do princípio da insignificância ou “delito de bagatela”, porque os 27 kg de café furtados foram devolvidos integralmente à vítima, e o furto não foi cometido com violência.

Fonte: Brasil 247

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.