Polícia Civil liberta jovem montealtense após perícia constatar que substância apreendida não é droga; confira o laudo

Foto: Divulgação

O montealtense Rogaciano de Araújo Cotrim, 22 anos, foi posto em liberdade na tarde deste sábado (13) por determinação da delegada Drª. Indira Fátima, da 22ª Coorpin, após o laudo pericial, realizado pelo Departamento de Polícia Técnica, apontar que não era droga a substância apreendida com ele, na tarde de sexta-feira (12), pela equipe da 3ª CIA do 17º Batalhão de Polícia Militar, na rua Belo Horizonte, saída para o distrito de Pindorama, em Iuiú (BA).

Em contato com a reportagem do Portal Vilson Nunes, o advogado Dr. Romilson Santos, afirmou que, além da liberdade, a Polícia Civil devolveu a Rogaciano a quantia de R$ 21,00 (vinte e um reais) e o seu documento de identidade. “Tudo não passou de um mal entendido, mas graças ao trabalho da Polícia Civil tudo foi esclarecido e meu cliente é inocente”, manifestou o defensor.

VEJA O LAUDO

Foto: Divulgação

Fonte: Portal Vilson Nunes