Jovem montealtense consegue vaga em casa de recuperação para dependentes químicos

0
133

Casa do Bom Samaritano, em Guanambi (Foto: Reprodução)

Após matéria divulgada pelo Portal Vilson Nunes e veiculada no programa Giro de Notícias, da Rádio Visão FM, o jovem montealtense de 24 anos de idade, que assumiu ser usuário de drogas desde os 18 anos, conseguiu vaga em uma entidade de recuperação para dependentes químicos, na cidade de Guanambi (BA). Uma internauta que leu a reportagem entrou em contato com a Casa do Bom Samaritano e a coordenação ao analisar o caso, aceitou ajuda-lo imediatamente. Conforme informações, o jovem já está internado para iniciar o tratamento. Entidades de outros estados também entraram em contato com a intenção de ajudar o usuário.

O CASO

O jovem montealtense, procurou à reportagem do Portal Vilson Nunes, na semana passada, solicitando ajuda para largar o vício das drogas. Desesperado, ele encaminhou mensagem assumindo ser dependente químico, mas ressaltando que o seu maior desejo atualmente era o de conseguir a internação em alguma clínica especializada para realizar um tratamento. “Eu quero me tratar urgente Vilson Nunes, meu caso é sério, já tentei suicídio várias vezes. Consegue uma clínica de recuperação urgente pra mim. Não tenho dinheiro para pagar, pode ser em qualquer lugar, o que mais quero é a minha recuperação”, manifestou ele.

Casado e pai de três filhos, o cidadão finalizou a sua carta relatando que o mundo das drogas não passa de uma fantasia. “É uma ilusão, fantasia, mas na hora que acaba a ficha cai, vem uma tristeza, solidão, amargura. Eu aviso para todos os viciados que procure internação o mais rápido possível. Eu preciso muito de uma casa de recuperação, o crack é a pior doença que tem na vida do ser humano”, disse ele.

O jovem concedeu entrevista ao programa Giro de Notícias, da Rádio Visão FM, contando um pouco do problema que está enfrentando. Em sua fala, ele pediu ajuda para ser internado urgente.

Fonte: Portal Vilson Nunes

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.