noticias Governador do Mato Grosso do Sul, Reinaldo Azambuja (PSDB)...

Governador do Mato Grosso do Sul, Reinaldo Azambuja (PSDB) é alvo de operação da PF

-

Governador do Mato Grosso do Sul, Reinaldo Azambuja (PSDB) é alvo de operação da PF

Governador de Mato Grosso do Sul (Reprodução)

A Polícia Federal deflagrou nesta quarta-feira (12/9) uma operação que tem como um dos alvos o governador do Mato Grosso do Sul, Reinaldo Azambuja (PSDB). Agentes federais cumprem mandados de busca e apreensão na casa do tucano e na governadoria do estado, em Campo Grande.

A operação partiu de colaborações premiadas de executivos da J&F e teve os mandados autorizados pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ). A suspeita é de redução ilegal de impostos, que teria encoberto um esquema de propina no estado.

A ação da PF é um desdobramento da Operação Lama Asfáltica, segundo o G1. A ação investiga uma organização criminosa especializada em desviar recursos públicos federais por meio de obras de pavimentação de rodovias, construção e prestação de serviços nas áreas de informática e gráfica. A soma dos contratos chega a R$ 2 bilhões.

Em maio de 2016, a PF cumpriu 67 mandados judiciais em cidades do Mato Grosso do Sul, Paraná e São Paulo. Na ocasião, eram alvos o ex-governador do MS André Puccinelli e o ex-assessor especial do Ministério dos Transportes Edson Giroto. O apartamento de Puccinelli foi alvo de busca e apreensão, e Giroto foi preso temporariamente.

Azambuja concorre à reeleição para o governo do Mato Grosso do Sul. Segundo a pesquisa Ibope divulgada em 24 de agosto, o tucano tem 39% das intenções de voto.

Durante a primeira fase da operação, deflagrada em julho de 2015, os investigadores constataram que um grupo superfaturava contratos de obras públicas com a administração governamental. Para isso, eles usavam empresas em nome próprio e de terceiros, mediante prática de corrupção de servidores públicos e fraudes de licitações.

Com a análise dos materiais apreendidos nesta etapa, segundo a PF, verificou-se fortes indícios de prática de lavagem de dinheiro proveniente de desvio de recursos públicos e corrupção passiva, já que os envolvidos compraram bens em nomes de terceiros e sacaram dinheiro em espécie para ocultar os valores.

Fonte: G1

Últimas Notícias

Palmas de Monte Alto: Prefeito Manoel Rubens diz que recorrerá de condenação que determina ressarcimento aos cofres públicos

Procurado pela reportagem do programa Giro de Notícias/Rádio Visão FM e Portal Vilson Nunes, na manhã desta sexta-feira (20),...

Palmas de Monte Alto: Após ter contas reprovadas, ex-prefeito Fernando Laranjeira afirma que entrará com recurso pedindo reconsideração ao TCM-BA

O ex-prefeito de Palmas de Monte Alto (BA), Fernando Nogueira Laranjeira encaminhou Nota de Esclarecimento ao Portal Vilson Nunes,...

Justiça Federal condena prefeito de Palmas de Monte Alto por improbidade administrativa e determina devolução de recursos públicos

A Justiça Federal condenou o prefeito de Palmas de Monte Alto, Manoel Rubens Vicente da Cruz, por irregularidades na...

Moradora de Caetité denuncia que crianças não estão indo à escola por falta de transporte escolar

A redação do Portal Vilson Nunes recebeu, na manhã desta sexta-feira (20), uma denúncia de que crianças da região...

Comandante do 17°BPM apresenta projeto de modernização tecnológica ao colegiado de coronéis da Polícia Militar da Bahia

Na manhã desta sexta-feira (20), no auditório do 9º Batalhão de Ensino Instrução e Capacitação (BEIC), em Vitória da...

Governo da Bahia abre 28 vagas de estágio para universitários em Guanambi

O programa Partiu Estágio abriu 28 vagas para universitários que estudam ou moram na cidade de Guanambi, oferecendo a...

Mais lidas

- Advertisement -

You might also likeRELATED
Recommended to you