Davi Alcolumbre (DEM-AP) é novo presidente do Senado após Renan desistir

Share on facebook
Share on whatsapp
Plenário do Senado incia o processo de votação para escolha de seu novo presidente. Na foto, Davi Alcolumbre

Davi Alcolumbre, do DEM do Amapá, foi eleito neste sábado (02) em primeiro turno o novo presidente do Senado Federal com 42 de 77 votos.

A sessão foi caótica. Primeiro houve a questão do voto secreto: a maioria decidiu ontem por abrir o voto, mas o regimento interno exigiria unanimidade entre os senadores para tal. Uma decisão do ministro Dias Toffoli, do STF, reafirmou o voto secreto.

Após o discurso dos candidatos, uma primeira votação terminou com 82 cédulas computadas, uma a mais do que o número de senadores, gerando acusações de fraude.

Foi convocada uma segunda votação e após alguns votos serem computados, o senador Renan Calheiros, um dos favoritos para a disputa, denunciou o processo e retirou sua candidatura.

Nova confusão, desta vez para saber se a votação começaria de novo ou prosseguiria. Foi decidido pelo prosseguimento e a apuração deu uma vitória a Davi já no primeiro turno por um voto. 4 senadores não votaram, incluindo Renan.

Fonte: Agência Senado