Com vinte dias de funcionamento, Ronda Maria da Penha já realizou diversos atendimentos em Guanambi

Share on facebook
Share on whatsapp
Foto: Divulgação

Muito esperado na cidade durante muitos anos, e implantada graças a parceria firmada entre a Prefeitura de Guanambi, através da Secretaria Municipal de Assistência Social, com o Governo do Estado, junto ao Comando do 17º Batalhão de Polícia Militar, a Ronda Maria da Penha já realizou diversos atendimentos desde que foi inaugurada, no dia 6 de julho.

A equipe formada pela Tenente Jacimara Ornelas,  Cabo Adeildo e Cabo Idalina de Oliveira, já realizaram diversos encaminhamentos e visitas a mulheres vítimas de violência que detém medidas protetivas concedidas pela justiça e acionaram o serviço da Ronda Maria da Penha, devido a quebra da determinação judicial pelos seus ex-companheiros.

“É mais um instrumento de grande relevância para o enfrentamento da violência, sem dúvida, esta parceria da nossa gestão, com os demais órgãos de segurança, fortalece a luta das mulheres e de toda a sociedade”, frisou o prefeito Jairo Magalhães.

A Sala de Atendimento e o Núcleo de Apoio às Mulheres Vítimas de Violência, Operação Ronda Maria da Penha (OPRMP) funciona na sede do Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas), das 7 às 12 e das 14 às 17h, com contato telefônico (77) 9 9915-3259, e fica situada na Avenida Joaquim Chaves, nº 404, no bairro Santo Antônio, ao lado do Centro de Convivência do Idoso, saída para Candiba, onde é garantido total discrição e anonimato no atendimento dos casos.

Para o Secretário Municipal de Assistência Social, Francisco Donato, “a união de vários entes públicos em defesa das mulheres é o sinônimo de que muitas outras conquistas podem ser  efetivadas. Já a presidente do Conselho Municipal de Defesa dos Direitos das Mulheres, Jaylma Fernandes, salientou da capacidade da Polícia Militar e demais órgãos envolvidos na preocupação pela diminuição dos índices de violência contra as mulheres na cidade de Guanambi.

Fonte: Ascom