Guanambi é oficialmente incluído na rota de voo da Companhia Azul, mas entraves com ANAC continuam

Pátio do aeroporto de Viracopos, em Campinas, com aviões da Azul (Foto: Divulgação)

O município de Guanambi está na lista dos 33 destinos que a Companhia Aérea Azul pretende incluir em suas rotas para operação nos próximos anos, conforme divulgado, nesta segunda-feira (26/3), pelo site Uol. De acordo com o comunicado, a empresa vem trabalhando “de perto com as prefeituras dessas localidades para viabilizar as condições necessárias” para operar. Ou seja, quanto antes os aeroportos estiverem prontos, diz a empresa, mais cedo os aviões estarão servindo essas cidades. A maior parte desses novos mercados será atendida com aeronaves modelo ATR 72-600, que têm capacidade para até 70 passageiros. Atualmente, a Azul voa para 106 locais, sendo 98 nacionais e oito internacionais. Sua frota é de 122 aviões.

Entraves

Apesar de todo esforço da prefeitura e do governo do estado, o Aeroporto Isaac Moura Rocha, em Guanambi continua impedido de receber voos de aeronaves de médio e grande porte, devido às restrições de pouso e decolagem impostas pelas autoridades nacionais de aviação, como reportou à Agência Sertão.

O governador Rui Costa chegou a afirmar que o governo do Estado construíra um novo aeroporto em Guanambi caso as restrições não sejam superadas junto à Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC). O governo do Estado garantiu o investimento de cerca de R$ 5 milhões para a reforma da pista. A prefeitura, através de convênio, reformou o saguão e áreas do entorno do aeroporto. Até o caminhão de combate a incêndios aeroportuários já foi adquirido para operar no aeroporto de Guanambi. A administração do local foi repassada ao governo do Estado por 35 anos.

Fonte: Portal Vilson Nunes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.