Prefeito de Aracatu é afastado do cargo após operação da Polícia Federal

    0
    45
    Foto: Lay Amorim/Achei Sudoeste

    O prefeito de Aracatu (BA), Sérgio Silveira Maia (PSD), foi afastado do cargo, em cumprimento a decisão da justiça, após operação Chronos, deflagrada pela Polícia Federal, na manhã desta terça-feira (19/9), em parceria com o Ministério Público Federal (MPF) e a Controladoria Geral da União (CGU). Além do gestor, foram afastados das funções públicas o Secretário de Administração e Finanças, Petrônio Silveira Rocha, entre outros servidores. Segundo a PF, as operações decorrem de inquéritos instaurados em Vitória da Conquista para apurar fraudes nos processos licitatórios e na execução de contratos de prestação de serviços de limpeza, asseio e conservação diária nas dependências de prédios pertencentes aos municípios de Aracatu e de Palmas de Monte Alto, entre os anos de 2014 e 2017.

    As investigações detectaram que a mesma empresa, vencedora das licitações nos dois municípios, era de “fachada” e que muitos empregados contratados seriam “fantasmas” ou prestariam serviços em estabelecimentos já desativados, a exemplo de dezenas de escolas.

    No município de Aracatu, desde a celebração do contrato, em 2015, até a presente data, a prefeitura repassou a quantia de R$ 4.064.217,25, dos quais, em razão das fraudes constatadas, o Tribunal Regional Federal da 1ª Região determinou o bloqueio de R$ 3.192.388,27.

    Fonte: Vilson Nunes / Sudoeste Bahia

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Please enter your comment!
    Please enter your name here