Guanambi: Hospital Regional será investigado por deficiência no serviço de neurologia

Hospital Regional de Guanambi (Foto: Marcos Oliveira / Sudoeste Bahia)

A promotora Dr.ª Tatyane Miranda Caires de Mansine Castro decidiu instaurar Inquérito Civil Público para investigar deficiência no atendimento do Hospital Regional de Guanambi (HRG) na área de Neurologia. Na investigação, a titular da Primeira Promotoria de Justiça da Comarca, apura eventuais responsabilidades pela ausência de profissionais médicos no setor de neurologia (neurologista e neurocirurgião), de igual modo a carência de materiais indispensáveis a prestação dos serviços.

Em suas considerações, Dr.ª Tatyane Miranda indica que têm faltado equipamentos como microscópio cirúrgico e monitores de pressão intracraniana e até insumos inviabilizando a realização de procedimentos em Traumatismo Raquimedular (TMR) entre outros. A inquirição feita pelo Ministério Público resultará, caso seja necessário, em ajuizamento de Ação Civil Pública contra o Estado da Bahia. O Governador Rui Costa e o Secretário de Saúde Fábio Vilas Boas, serão notificados para que prestem os esclarecimentos cabíveis. Foi requisitado junto a diretoria do SUS, estado da Bahia a realização de auditoria no Hospital Regional no setor de neurologia com urgência.

Fonte: Bonny Silva