Acusado de roubo a carros-fortes morre em confronto com a Caesg no sudoeste da BA

Acusado de roubo a carros-fortes morre em confronto com a Caesg no sudoeste da BA
17 de junho de 2017 Vilson Nunes

Foto: Divulgação Caesg

Davi Silva Tavares morreu em confronto com guarnições da Cipe Sudoeste (Caesg) na tarde desse domingo, 18, no Assentamento Mucambo, no Município de Vitória da Conquista. A Caesg averiguava a informação de que numa residência havia várias pessoas armadas. No local, teria se deparado com o suspeito, que recebeu os militares a tiros. Houve revide e no confronto ele foi alvejado, sendo socorrido ao hospital de Base, onde foi atestada a morte.

Além da pistola apreendida com o criminoso, foram encontrados no local um pé de cabra, machadinha, placas de carros e motos roubadas, rádios comunicadores, munições, além de um documento falso em nome de Davi Silva Souza, segunda identidade usada por Davi Silva Tavares.

De acordo com a Polícia Civil, Davi e o seu irmão, vítima de homicídio, foram os autores do latrocínio que vitimou o empresário, dono de lotérica, Edvaldo Cardoso de Souza, 59 anos. Fato ocorrido há mais de um ano na Av. Siqueira Campos, no Centro de Conquista. Ainda segundo a polícia, Davi e o irmão eram investigados por suposta participação em assaltos contra instituições financeiras e explosões de caixas eletrônicos e carros-fortes.

Davi chegou a ser preso depois do latrocínio, mas foi beneficiado com a liberdade, após decisão da justiça, em dezembro de 2016. Logo depois de sair da cadeia, a Justiça expediu outro mandado de prisão, sendo o criminoso considerado foragido. Neste domingo ele foi localizado e morto, após resistir a prisão.

Fonte: Blitz Conquista

0 Comentários

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*